sábado, 24 de outubro de 2015

100!!!

Assim, de repente,
É este, o número 100.
Um marco num caminho
Sempre para a frente
Só porque me faz bem
Ir sonhando, devagarinho.

Sem festa para celebrar,
Como a homónima lição,
Ainda assim vou festejar
Só convosco, de coração.

Não coleciono escritos.
Letras que saem do peito
São aquilo que me move.
Tenho os meus favoritos,
E, por eles, tarde me deito
Se a inspiração não demove.

O objetivo é um, apenas:
Alcançar outros corações
Que se revejam nas cenas
De que resultam emoções.

Estás aí e até gostas?
Não temas revelar
O que te faz sentir.
Por que não comentas,
Se te faz pensar?
Far-me-á sorrir…








Sofia Cardoso
24 de outubro de 2015 

Sem comentários:

Enviar um comentário